A MARAVILHOSA TÉCNICA DA TERAPIA COM SONS

A MARAVILHOSA TÉCNICA DA TERAPIA COM SONS 

“A Música Expressa a Harmonia do Céu e da Terra”.

Desde muito tempo, a música tem estado ligada ao relaxamento e ao alívio do estresse e da angústia. Recentemente a utilização da música como instrumento terapêutico foi pesquisada e considerada válida, fazendo parte das terapia holística. 

Acreditava-se antigamente que a música era capaz de renovar a divina harmonia e o ritmo do corpo, das emoções e do espírito do homem. 

Todas as formas de doença, mental ou física, eram consideradas como sendo basicamente problemas musicais.

A terapia com sons, uma das técnicas ligadas ao uso das leis naturais, tem suas raízes na sabedoria cujas origens se perdem no tempo. O homem antigo desconhecia métodos organizados de “terapia dos sons”, porém, nem precisava deles, pois conhecia e vivenciava espontaneamente a influência dos sons. 

O terapeuta pode utilizar a técnica de terapia com sons em seus atendimentos terapêuticos, utilizando sons da natureza, músicas com melodias calmas e suaves, proporcionando uma maior concentração do seu cliente, permitindo com que este preste atenção nos sons que está ouvindo, tendo percepções de si mesmo. 

Pode-se inclusive mesclar a técnica de terapia com sons com outras técnicas, como por exemplo o Reiki.

Baseado nos estudos da terapia com sons clássica, o psiquiatra inglês Robert Shauffer observou os seguintes efeitos dos instrumentos sobre o organismo: 

• Piano: combate a depressão e a melancolia; 

• Violino: combate a sensação de insegurança; 

• Flauta doce: combate nervosismo e ansiedade; 

• Violoncelo: incentiva a introspecção, a sobriedade; 

• Metais de sopro: inspiram coragem e impulsividade. 

• Percussão: Motivam e instigam à atitude e movimento. 

Os benefícios dos sons:

Segundo os especialistas, os sons harmônicos podem provocar, nos seres humanos, oito tipos de efeito: 

1 – anti- neurótico 

2 – antidistônico 

3 – anti-stress 

4 – sonífero e tranquilizante 

5 – reguladores psicossomáticos 

6 – analgésico e/ou anestésico 

7 – equilibrador do sistema cardiocirculatório 

8 – equilibrador do metabolismo profundo 

Agendar Agora!

Para os estudiosos, a influência dos sons atinge diversos órgãos e sistemas do corpo humano: o cérebro, com suas estruturas especializadas, como o hipotálamo, a hipófise, o cerebelo; o córtex cerebral, o tálamo, plexo solar, os pulmões, todo o aparelho gastrintestinal, o sangue e o sistema circulatório (com ação vaso constritora e vasodilatadora, agindo, portanto, na pressão sanguínea), a pele e as mucosas, os músculos e o sistema imunológico. 

Na Terapia holística, os sons podem é harmonizar os sete chackas básicos do corpo humano por meio das frequências sonoras com a função de equilibrar e redistribuir toda energia física, mental e espiritual de nosso ser. Todos nós seres humanos somos compostos de múltiplos corpos mais sutis que se interconectam até o corpo físico. 

Ao alinharmos e equilibrarmos estes corpos em perfeita sincronia, damos início ao despertar de uma nova consciência. 

Quando harmonizamos o nosso corpo físico, os ensinamentos sutis dos planos mais elevados da consciência humana e divina interagem com maior fluidez, trazendo para nossa realidade física mais saúde, bem-estar e espiritualidade. 

Se nosso corpo físico não estiver em sintonia e harmonia com nossos sete chakras vitais que regulam e administram o fluxo de nossas energias para o plano físico, não há como nos abastecermos de energia, inspiração e vitalidade dos nossos corpos superiores acima do físico, pois este está completamente desarmônico e fora de sincronismo com os corpos mais sutis. 

Você se interessou no trabalho da Terapia dos Sons 7 Chakras?

A função deste trabalho musical é usar frequências-chave que possam reconstruir essa ponte de comunicação entre a matéria e o espírito. 

Clique AQUI para saber mais sobre este maravilhoso assunto que vai te ajudar a te levar para um próximo nível de consciência.

Agendar Agora!

Você pode gostar de ler...

Artigos Populares...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *